Penne com mini almôndegas

Ora viva caros amigos! Hoje trago-vos uma receita de massa penne com mini almôndegas de frango. Uma vez que o Lidl decidiu deixar de vender carne picada de frango, vamos ter que fazer as almôndegas com hambúrgueres. Por mim é na boa. É preferível ser o Lidl a deixar de vender frango picado, que o meu dealer de alface.

Comecem por misturar a carne picada de frango com cebola e alho picado, cenoura, aipo e pimentos cortados aos cubinhos e um bocado de mostarda em grão.

Juntem um ovo e temperem com sal, pimenta preta, paprika, cominhos e molho inglês. Se não gostarem de uma ou outra especiaria, podem trocar por outra que gostem mais. Mas não inventem muito. Senão depois dizem que a culpa é minha.

Juntem um pouco de pão ralado. O suficiente até que a carne deixe de colar à colher de pau. Tipo o dinheiro que dás à tua ex-mulher todos os meses para ela não se colar a ti.

Misturem tudo e levem ao frigorífico cerca de uma hora, antes de fazerem as mini almôndegas.

Sou o Frank Lloyd Wright das almôndegas. #Arquitetura #AulasDeEVT

Levem as almôndegas ao forno para matar a Salmonella Andrade e comecem a fazer um refogado com azeite, cebola e alho picado. Quando as cebolas estiverem translúcidas, juntem um pouco de puré de tomate e alguns tomates cherry cortados em quartos. Mas bem cortados! Os tomates merecem respeito. Não servem só para chupar.

Quando as almôndegas estiverem prontas, juntem-nas ao refogado e mexam até que pareçam testículos de ciclistas depois da volta a Portugal.

Juntem o penne, manjericão picado, um fio de azeite e misturem tudo. Se quiserem podem usar outro tipo de massa, mas depois não podem fazer piadas brejeiras.

E é isto o que eu faço ao pito. Ou é para ir ao pito? O que interessa é que ela goste do meu penne.

Aquele abraço!

Like: facebook.com/chefejamon
Follow: instagram.com/chefejamon

Gatinhos mortos.

Leave a Comment

14 + 12 =